Dezenas de pessoas participaram do painel sobre ‘Chuetas’ em Palma de Mallorca

Brian Blum

OLYMPUS DIGITAL CAMERANa quinta-feira passada, véspera do Yom Kipur, o primeiro de uma série de quatro seminários patrocinados pela Shavei Israel para ‘Chuetas’ em Palma de Mallorca, foi realizado com sucesso. Os seminários adicionais acontecerão nos dias 17 de outubro, 14 de novembro e 12 de dezembro.50 pessoas da região de Palma, em sua maioria judeus e ‘Chuetas’ (conhecidos, também, pelo termo hebraico como Bnei Anussim: descendentes de judeus que foram obrigados a se converter ao catolicismo há mais de 500 anos atrás, e que os historiadores geralmente se referem a estes pelo nome depreciativo ‘Marranos’) participaram do seminário, que contou com um painel que envolveu a discussão se os ‘Chuetas’ devem voltar formalmente ao Judaísmo.

O painel incluiu: o emissário da Shavei Israel para a região, o Rabino Nissan Ben Avraham; Andreu Aguiló Diaz, um artista ‘Chueta’ que vive na área de Palma, e Miquel Segura, um jornalista ‘Chueta’ que voltou formalmente ao judaísmo com ajuda da Shavei Israel, em 2010. O painel foi moderado pelo conhecido historiador local e editor Lleonard Muntaner, que tem focado extensivamente nos judeus de Mallorca.

Segura, que organizou o evento para a Shavei Israel, comentou, durante o seminário, que toda esta série representa um verdadeiro marco para os ‘Chuetas’ de Palma de Mallorca. “Até agora, têmos realizado dezenas de conferências e simpósios, publicado muitos livros, e, todos, sobre o nosso passado. Na quinta-feira, abrimos um novo caminho. Nós dissemos: ‘vamos falar sobre a nossa identidade do futuro’. Os próximos eventos vão ter sequência a partir disso”.

Mais informações sobre seminários anteriores da Shavei Israel e sobre a vida judaica na região de Palma em geral, no site da Shavei.

 

Leave a Reply

Your email address will not be published.