A CHAMA NÃO SE APAGOU…

A CHAMA NÃO SE APAGOU…

A chama não se apagou, e não se apagará, tal como não se apagou onde o judaísmo foi ameaçado e os judeus corriam perigo…

É um grande prazer apresentar o livro Três Lenços (Shalosh Mitpachot) da autora Hana Tueg, que foi publicado este ano. Hana Tueg é uma autora reconhecida e até agora escreveu cinco livros em hebraico.

De acordo com a autora: “Cada um dos meus livros ressoa com uma caixa de música judaica. Estou interessada no destino comum que temos como judeus e, especialmente, na História judaica desbotada e dolorosa ao longo dos anos da nossa existência, como um povo separado espalhado pela diáspora.”

“Então cheguei ao assunto dos forçados, que me fascinaram, porque revelam a força mental dos judeus que foram forçados a viver uma dupla identidade. Alguns foram torturados, queimados e oprimidos, mas não renunciaram ao judaísmo. Ainda hoje, vemos muitos descendentes que descobrem, por acaso ou através de pesquisa, as suas raízes judaicas, e procuram voltar para casa e para a sua verdadeira pátria.

“Depois de uma extensa pesquisa sobre o assunto, que incluiu livros de referência, museus e uma visita a Portugal, bem como a ajuda de instituições maravilhosas tais como Shavei Israel, comecei a escrever o livro, que se centra em Belmonte, uma cidade no nordeste de Portugal, que manteve o seu judaísmo em segredo durante cerca de quinhentos anos.

“O meu livro concentra-se numa família e, em particular, numa neta (Isabel), que procura as suas raízes para reconstruir a sua recém-descoberta identidade judaica, fazendo uma ligação entre o passado e o presente, entre a raiz e o ramo. Uma nação que não conhece o seu passado não pode construir um presente e um futuro significativos para si mesma.”

————————————————————————————

Hana dirigiu-se à Shavei Israel no processo de escrever o seu livro, e ficámos entusiasmados ao encontrar no livro referências a Michael Freund, fundador da organização, e a Chaya Castillo, diretora do Departamento de Bnei Anusim.
O livro ‘Três Lenços’ é altamente recomendável e desejamos a Hana grande sucesso! Que através do seu livro muitos mais sejam inspirados e retornem às suas raízes judaicas, conforme descrito no livro com tanto talento.

FINALMENTE CHEGOU O SIDUR CATALUNYA

Após quase três anos de pesquisa, o Dr. Idan Pérez editou e publicou o Sidur Catalunya. Este livro de orações é baseado em seis manuscritos dos séculos XIV a XVI e constitui a recuperação do antigo Nussach Catalunya, a prática específica das orações judaicas usadas pelos judeus da Catalunha, Valência e Maiorca durante a Idade Média (na época conhecida como o período dos Rishonim). O sidur também inclui comentários, leis e tradições que foram compilados por um discípulo de Rabbenu Yona Girondi no século XIV no Bet Midrash (sala de estudos) de Barcelona.

O autor fala-nos sobre a origem do livro de orações e a evolução dos diferentes nussachim conhecidos hoje. O autor também detalha a pesquisa realizada, incluindo a descrição dos manuscritos usados ​​como base do livro de orações, bem como uma lista de características que definem o Nussach Catalunya, e uma lista dos poemas litúrgicos incluídos no Sidur .

Um dos capítulos da introdução trata da representação gráfica do Nome de De’s, que é representado no Sidur Catalunya por um símbolo especial, conforme representado nos manuscritos medievais. Também inclui uma lista de estudiosos da Torá que são mencionados no comentário, de Sura, Pumbedita, Qairouan, chachmei Catalunya, França, Provença e Sefarad. O autor conclui a introdução com um estudo histórico dos judeus da Catalunha, que vai desde a sua chegada à Península Ibérica, passando pelo florescimento dos centros de Torá de Barcelona e Girona, e seguindo depois as pegadas das diferentes diásporas das comunidades judaicas que fugiram da Catalunha após os motins de 1391 e a expulsão de 1492.

O estudo concentra-se principalmente nas comunidades judaicas catalãs da Itália, Império Otomano e Norte da África (Argélia). Estão incluídas fotografias dos manuscritos e diferentes edições do Machzor le-Yamim Noraim que foram publicadas em Salônica sob o nome de Machzor le-nussach Barcelona minhag Catalunya, e um mapa da Catalunha.

Descrição do Sidur:

siddur inclui as orações para os dias da semana, Shabat, festas, Hagadá de PessachAzharot para ShavuotHoshanot para Sucot e Yom Aravah (Hoshanah Rabbah), jejuns, Yamim Noraimtefillot e berachot para diferentes eventos da vida, pedidos e halachot para as festas, etc.

Há uma série de baqashot (pedidos) de grande importância, compostos por chachmei Catalunya, publicados pela primeira vez, incluindo um pelo Rabino Moshe ben Nachman (Ramban), um pelo Rabino Shlomo ben Adret (Rashba) e um pelo Rabbenu Zerachya ha-Levi.

Número de páginas: 850

Data da Publicação: 2019

Título da Pubicação: סידור קטלוניא: כמנהג ק”ק קטלוניא

ISBN: 978-965-572-685-5

Para comprar o Sidur:

Sobre o autor:

Idan Perez nasceu em Barcelona, ​​Espanha. Fez aliá em 2004 e ele fez seu doutorado em manuscritos hebraicos medievais, especificamente da comunidade judaica de Maiorca no século XIV.

Entre em contato com Idan Perez: sidurcatalunya@gmail.com

Preparando Chanuka na Polónia

Bem a tempo de Rosh Chodesh (início do mês) Kislev, preparámos uma versão atualizada do guia de Chanucá da Shavei Israel em polonês e o mesmo está sendo preparado para impressão e distribuição para a comunidade judaica na Polônia.

O nosso emissário, o rabino Yehoshua Ellis, assim como a equipa da Shavei Israel em Jerusalém, têm coordenado o projeto para que ele esteja pronto a tempo para Chanuka. A capa foi substituída por uma bela foto da famosa Sinagoga Nożyk, tirada pela nossa Laura Ben-David quando esteve em Varsóvia há não muito tempo.

*“La niña de Lisboa”, ¡ahora disponible en inglés!*


Hace varios meses, el centro Ma’ani de Shavei Israel, ofreció un seminario dedicado a la vida y personalidad de Dona Gracia Mendes Nasi, una de las mujeres judías mas ricas y sobresalientes del renacimiento europeo.

Durante la conferencia el orador, Sr. Guiora Barak, presentó su nuevo libro “Gracia de Lisboa”, relatando la historia de los días de la niñez de Dona Gracia, cuya familia fue obligada a convertirse al cristianismo, con el fondo de la comunidad judía de España y Portugal antes y después de la expulsión de 1492.

Nos alegramos de compartirles que ahora el libro está disponible en inglés. Lo pueden obtener aquí en Amazon.