Oficina de Velas de Shabat no Chile

O rabino Avraham Latapiat, emissário da Shavei Israel no Chile, junto com a sua esposa, realizou uma oficina especial no Talmud Torá local (escola judaica) chamado “Despertando para a importância do Shabat”, para explicar às crianças a importância de guardar o Shabat e ensinar-lhes como preparar velas caseiras e organizar e decorar a mesa de Shabat. As crianças regressaram às suas casas felizes, com candelabros, um copo decorado e a sua caixinha de fósforos. Agora podem usar os seus próprios utensílios no Shabat. Aqui podemos vê-los a trabalhar, concentrados e muito contentes.

Para além disso, a comunidade do Chile organizou recentemente uma festa de despedida para o seu membro Shlomo Yosef, que viajará para Israel a princípios de novembro para se preparar para a sua conversão formal ao judaísmo com a ajuda da Shavei Israel.

Os preparativos das Comunidades da Shavei Israel para as Festas

As comunidades da Shavei Israel quiseram partilhar convosco algumas das fotos dos preparativos para estas Festas. Podemos ver os nossos irmãos judeus, desde a América Latina ao Leste Europeu, a ler slichot, a tocar o shofar e a estudar cuidadosamente a Torá e as leis sobre as Festas.

Chile

Comecemos pela América do Sul. No Chile, o Rav Abraham Latapiat, emissário da Shavei Israel, organiza atividades variadas, tanto para crianças como para adultos. As crianças, bem como os seus pais, estão prontas para as festas!

Colômbia

Na Colômbia, as onze comunidades que integram a ACIC estão unidas para os serviços de oração e aprendizagem para Rosh Hashaná. O Rav Shimon Yechua, emissário da Shavei Israel na Colômbia, enfrenta o desafio de dividir o seu tempo entre as diferentes localidades, entre elas a cidade de Bogotá, Calí e Medellín.

El Salvador

Em El Salvador, o Rav Elisha Salas, emissário da Shavei Israel que começou recentemente o seu trabalho de líder religioso e educativo desta comunidade, também divide o seu tempo entre dois grupos: o maior na cidade de San Salvador e um grupo mais pequeno numa localidade chamada Arménia. O rabino Salas também realiza shechitot (o abate ritual dos animais segundo as leis de cashrut), e dá aulas e conferências sobre este período das Festas.

Lodz, Polónia

Entretanto em Lodz, na Polónia, os judeus locais também se prepararam para as Festas: aqui podemos ver o emissário da Shavei Israel, o rabino Dawid Szychowski, a tocar o shofar para os membros mais jovens da comunidade.

Beit Shemesh, Israel

E, para finalizar, a comunidade judaica subbotnik de Beit Shemesh, a maior de Israel, aqui reunida no centro Netzach Menashe para um seminário por parte do rabino Shlomo Zelig Avrasin.

 

Há vida judaica em Maiorca

Inauguração da placa memorial em honra dos 37 descendentes de judeus Chuetas executados pela Inquisição em 1691.

Por Miquel Segura Aguiló

Com o coração já mais sossegado e as emoções mais bem controladas, é a minha vez de comentar o grande evento que teve lugar no passado domingo na praza Gomila, da cidade de Maiorca. Que posso dizer? 30 Anos a lutar por uma mínima reparação, e no dia em que Hashem permite que esta chegue fui invadido por um conjunto esmagador de sensações contraditórias.

Continue reading “Há vida judaica em Maiorca”

Primeiro casamento judaico celebrado na Sinagoga Piazzo em 49 anos

Primeiro casamento judaico celebrado na Sinagoga Piazzo em 49 anos
Um site de notícias italiano publicou recentemente um artigo sobre um casamento judaico ocorrido em uma província de Biella, no noroeste da Itália. Não muito tempo atrás, os recém-casados, Angela Ferrari (64) e Alberto Calo (72) completaram com sucesso o processo de conversão oficial ao judaísmo com a ajuda da Shavei Israel depois de fazer um curso especial no “Machon Miriam” da Shavei. Na verdade, eles já são casados ​​há 44 anos, mas só agora puderam celebrar seu casamento de acordo com as tradições judaicas.

Continue reading “Primeiro casamento judaico celebrado na Sinagoga Piazzo em 49 anos”

Voluntário da Shavei ensina hebraico na América Central

Por Gabriel Cavaglion

Em anos recentes, Israel tem registado fluxos migratórios vindos de regiões remotas, tais como a imigração Bnei Menashe do nordeste da Índia, que se tornou possível para parte da comunidade, depois de um rigoroso processo de conversão (cerca de 3000 pessoas até ao momento). Eles consideram-se descendentes da tribo Menashe, uma das tribos exiladas pelos assírios em 722 AEC.

Continue reading “Voluntário da Shavei ensina hebraico na América Central”

Paz, Shalom, Salam, Fraternidade!

No passado dia 25 de Abril, o rabino Elisha Salas, emissário da Shavei Israel para Portugal e Espanha, participou, na cidade do Porto (Portugal), numa conferência intitulada “A Fraternidade na Europa das religiões do século XXI”.

Tratou-se de uma conferência organizada por um grupo independente de intelectuais e pensadores portugueses, com o propósito de explorar os vários contributos que as religiões monoteístas podem dar para a consecução do objetivo mundial de “agirmos uns com os outros em espírito de fraternidade”, tal como consta do texto da Declaração Universal dos Direitos Humanos.

Continue reading “Paz, Shalom, Salam, Fraternidade!”

Guarda, Portugal – Notas de viagem.

Aqui temos um excerto de um texto de Nora Goldfinger, que tem estado a viajar por vários locais de interesse judaico em Espanha e Portugal e aceitou partilhar a sua experiência connosco.
Sabe-se que os judeus chegaram pela primeira vez a Espanha há muitos séculos. Encontram-se provas deste facto nos antigos manuscritos do Mar Morto (Manuscritos de Qumram), que mencionam a presença Judaica em Espanha.
Em Portugal, os primeiros imigrantes judeus apareceram na região da Beira somente no fim do século XIII, sendo a Guarda a primeira cidade a aceitá-los.
Trancoso, Covilhã e Castelo Branco aceitaram-nos no século XIV devido ao ambiente de antissemitismo existente na época em Espanha e à crescente imigração depois do édito de expulsão de 1492.

Continue reading “Guarda, Portugal – Notas de viagem.”