GAN COJAVIM EM BOGOTÁ, COLÔMBIA

O Gan Cojavim (Jardim Infantil) da Comunidade Beit Hilel em Bogotá, Colômbia, trabalha ativamente para melhorar os seus modelos de educação e desenvolver projetos criativos que incentivem os seus pequenos alunos.

Um dos projetos desenvolvidos em Gan Cojavim é o projeto “Cápsulas de Torá”, criado pelo Sr. Natan Villaveces y supervisionado pelo Rabino Shimon Yechua, emissário da Shavei Israel na Colômbia.

Continue reading “GAN COJAVIM EM BOGOTÁ, COLÔMBIA”

Ensinando hebraico em Lodz, Polónia

Na semana passada chegou à comunidade de Lodz, Polónia, a professora de Hebraico Shosh Hovav, voluntária da Shavei Israel. Com grande entusiasmo, Shosh e o seu marido chegaram à Polónia na semana passada e foram muito bem recebidos pela comunidade de Lodz, onde foi iniciado um programa de estudos de hebraico para os membros da comunidade, abrangendo todos os níveis e idades.

Continue reading “Ensinando hebraico em Lodz, Polónia”

Televisão judaica pela internet – A primeira da Polónia!

Shalom.tv (szalom.tv, em polaco) é a primeira televisão pela internet (web TV) da Polónia. Transmitindo desde Lodz – uma cidade com uma longa tradição cinematográfica – o canal é gerido por profissionais: pessoas da comunidade judaica que são peritas em assuntos judaicos, e realizadores de cinema com muitos anos de experiência.

Continue reading “Televisão judaica pela internet – A primeira da Polónia!”

Paz, Shalom, Salam, Fraternidade!

No passado dia 25 de Abril, o rabino Elisha Salas, emissário da Shavei Israel para Portugal e Espanha, participou, na cidade do Porto (Portugal), numa conferência intitulada “A Fraternidade na Europa das religiões do século XXI”.

Tratou-se de uma conferência organizada por um grupo independente de intelectuais e pensadores portugueses, com o propósito de explorar os vários contributos que as religiões monoteístas podem dar para a consecução do objetivo mundial de “agirmos uns com os outros em espírito de fraternidade”, tal como consta do texto da Declaração Universal dos Direitos Humanos.

Continue reading “Paz, Shalom, Salam, Fraternidade!”

Os Judeus por Escolha De San Nicandro, Itália

Escondida em uma vila remota no sul da Itália, uma pequena e única sinagoga se ergue, controlada principalmente por mulheres. Tudo começou quase uma centena de anos atrás, quando o “profeta” Donato Manduzio se apaixonou com o judaísmo e reuniu uma comunidade de crentes. Depois que dezenas de moradores se converteram e fizeram Aliyah, aqueles que ficaram para trás eram em sua maioria mulheres, que se casaram com homens não-judeus locais. Juntos, eles continuam celebrando o Shabat e as festas, comendo exclusivamente kosher e estudando Torá. “Todos os dias quando oro”, diz Grazia Sochi, “eu sonho que estou no Kotel, o muro ocidental de Jerusalém”.

Continue reading “Os Judeus por Escolha De San Nicandro, Itália”

Visita ao Sefer Torá de Trancoso, Portugal.

Em 2013 a Shavei Israel apoiou a Câmara Municipal de Trancoso (Portugal) na aquisição de um Sefer Torá para a cidade.

Os nossos seguidores certamente se lembrarão da grande festa que foi esse evento, já que se tratava do primeiro Sefer Torá a chegar àquela cidade desde os tempos da Inquisição!

O Sefer, que se encontra no Centro de Interpretação Judaica Isaac Cardoso, tem servido um propósito educativo muito importante junto da população local e dos turistas que passam por Trancoso procurando saber mais sobre a cultura e religião judaicas.

Ao mesmo tempo, é também utilizado e honrado segundo os preceitos da religião judaica, ao ser lido pelos vários grupos de turistas judeus que celebram Shabatot na sinagoga do Centro.

O nosso emissário para Portugal e Espanha, o Rabino Elisha Salas, é o responsável pela conservação e manutenção do Sefer, e desloca-se periodicamente a Trancoso para esse efeito.

É um Sefer com uma vida muito ocupada, B´H´, e precisa dos cuidados dRabino 🙂

Aqui ficam algumas fotos da última visita, que teve lugar na semana passada.

O rabino verificou o Sefer e deu indicações aos funcionários do Centro sobre os cuidados a ter, qual o modo correto de guardar o Sefer com a Yad (a mãozinha de prata para apontar durante a leitura), e até sobre que alterações devem ser feitas na bimah (a mesa para a leitura) para que tudo continue a correr bem 🙂

Vistoria feita, ficou tudo pronto para mais um lindo Shabat na companhia de um grupo israelita, composto por investigadores e profissionais de diversas áreas que se deslocaram a Portugal para estudar as marcas da presença judaica neste país.

Como acontece sempre onde a Shavei Israel está presente, foi um Shabat de partilha e troca de experiências, onde todos são incluídos. Funcionárias do Centro foram convidadas para assistir ao serviço matutino de Shabat, e, no fim do serviço, o rabino Elisha Salas deu, a pedido dos israelitas, uma palestra sobre a sua experiência em Portugal junto dos Bnei Anussim.

Que bom poder dizer com orgulho aos nossos novos amigos israelitas que o judaísmo em Portugal está vivo e pujante!

Am Israel Chai!

Um Daienu pessoal escrito por um Bnei Menashe

De’s nosso e De’s de nossos pais:

Enviaste a Shavei Israel para nos ajudar
– Isso teria sido suficiente para nós.

Estabeleceste centros de estudo na Índia
– Isso teria sido suficiente para nós.

Enviaste daianim para nos entrevistar
– Isso teria sido suficiente para nós.

Preparaste visas de aliá para a nossa viagem
– Isso teria sido suficiente para nós.

Trouxeste-nos à Terra Sagrada
– Isso teria sido suficiente para nós.

Enviaste-nos para um centro de absorção
– Isso teria sido suficiente para nós.

Deste-nos comida e alojamento
– Isso teria sido suficiente para nós.

Providenciaste professores de Torá para nos ensinarem
– Isso teria sido suficiente para nós.

Sentimo-nos como se nós mesmos tivéssemos passado pelo Êxodo pessoalmente. Obrigado!

Lyon Fanai, Aliá da Shavei Israel 2017

Lyon Fanai é um dos imigrantes Bnei Menashe que fez aliá com a ajuda da Shavei Israel. Lyon escreveu este Daienu pessoal para expressar a sua gratidão à Shavei Israel por ter tornado possível aquela que foi a viagem da sua vida. O Daienu é um hino que faz parte da Hagadá de Pesach. Canta-se durante o seder e, na sua versão original, expressa a gratidão dos judeus por terem sido livrados do Egito.

Neste Pesach, mais de 200 Bnei Menashe vão estar a passar pela experiência recente do seu próprio êxodo pessoal, celebrando o seu primeiro seder em Israel.

Para contribuir para mais daienus, por favor contribua para este trabalho tão importante da Shavei Israel, de trazer esta “tribo perdida” para casa.

Feliz Pesach para si, onde quer que festeja no Mundo!

E falando em Pesach, já adquiriu a sua Hagadá e o seu Machzor (livro de orações) de Pesach em português?

Adquira aqui!